COMPRE NAS DROGARIAS LETÍCIA

COMPRE NAS DROGARIAS LETÍCIA
DIREÇÃO ANTÔNIO CARLOS

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VIDA+MED DIRETOR PRESIDENTE ORLEANS DANTAS

VIDA+MED DIRETOR PRESIDENTE ORLEANS DANTAS
ITABUNA-BA

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Deputada Ângela Sousa e o prefeito de Ilhéus participam da entrega do Hospital da Mulher

Na tarde da última segunda-feira (9/1), a deputada Ângela Sousa e o prefeito de Ilhéus Mário Alexandre acompanhado da secretária de saúde do município, Luciene Soares participaram ao lado do governador da Bahia, Rui Costa, e demais lideranças da entrega do Hospital da Mulher – Maria Luíza Costa dos Santos, primeiro especializado no atendimento exclusivo à saúde feminina na Bahia.
A unidade, localizada no Largo de Roma, na Cidade Baixa, contou com um investimento de R$ 40 milhões, e se voltará ao tratamento de pacientes encaminhados pela central de regulação da Bahia nas áreas de ginecologia, mastologia, reprodução humana, endocrinologia, oncologia e cirurgia.
O hospital dispõe de uma equipe formada por 125 médicos, 200 profissionais de apoio administrativo, 350 funcionários na área assistencial. A unidade conta com dez salas cirúrgicas, mais 136 leitos: dez deles destinados à Unidade de Terapia intensiva (UTI), 29 para hospital dia e outros 97 voltados para internação.
Segundo a deputada Ângela Sousa esta é mais uma importante obra do governo do Estado, que demostra compromisso e empenho e sem dúvidas, ampliará a assistência a saúde da mulher no Estado oferecendo um serviço de qualidade com tecnologia de ponta. “Esta unidade contribuirá para diminuir a grande espera e carência de atendimento a saúde, garantindo uma maior oferta no atendimento medico das mulheres, e consequentemente aumentando a prevenção de muitas patologias que acometem as mulheres”, destacou.
O prefeito de Ilhéus, o médico Mário Alexandre, disse que como um profissional da área de saúde que acompanha e sabe da carência na assistência medica à população, este é um momento de alegria em saber que a capital baiana contará com essa importante unidade que dará suporte por meio do sistema único de saúde as mulheres com quadros de infecção, patologia ligadas ao aparelho reprodutivo, doenças de mama entre , que muitas vezes são detectadas nos 417 municípios baianos, mas infelizmente não têm onde serem tratadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário