COMPRE NAS DROGARIAS LETÍCIA

COMPRE NAS DROGARIAS LETÍCIA
DIREÇÃO ANTÔNIO CARLOS

VIDA+MED DIRETOR PRESIDENTE ORLEANS DANTAS

VIDA+MED DIRETOR PRESIDENTE ORLEANS DANTAS
ITABUNA-BA

ROTA TRANSPORTES COM VOCÊ NOS CAMINHOS DA VIDA

ROTA TRANSPORTES COM VOCÊ NOS CAMINHOS DA VIDA
ROTA TRANSPORTES COM VOCÊ NOS DA CAMINHOS DA VIDA DIRETOR PRESIDENTE PAULO CARLETO

sábado, 9 de junho de 2018

LANÇADO PROJETO: AMIGAS DO BASE SONHO QUE SE SONHA JUNTO



Foi uma solenidade emocionante em prol  do bem estar dos   pacientes do Hospital de Base de Itabuna. Uma grande iniciativa da guerreira, incansável, Maria Alice Araujo Pereira. Todos de mãos dadas pela  solidariedade.    


 Numa noite de muita emoção, sensibilidade, determinação e regada, sobretudo, pelo ingrediente principal (solidariedade), cerca de 200 pessoas, autoridades políticas, líderes comunitários, empresários e representantes da sociedade civil reuniram-se na quarta-feira (6), na sede social da União dos Servidores Municipais de Itabuna (USEMI) para o lançamento do projeto “Amigas do Base”, um grupo de senhoras benfeitoras que estarão associadas em torno do objetivo de ajudar a melhorar as condições de atendimento e dos serviços prestados no Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (HBLEM).
A ideia, segundo aponta a secretária municipal de Governo, Maria Alice Pereira, uma das entusiastas da iniciativa, “é a de criar no âmbito do hospital algo parecido com o que já acontece na Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, com as irmãs auxiliadoras”, explicou a secretária, que esteve acompanhada ainda do prefeito Fernando Gomes.
O prefeito parabenizou as idealizadoras pela iniciativa, rememorou a história do hospital e as dificuldades para torná-lo possível, numa história que se iniciou há 20 anos. “Hoje, temos em Itabuna uma instituição que atende a todo mundo daqui de Itabuna e de toda a nossa região. Não tem como negar a importância do Hospital de Base para a nossa cidade. Então, temos agora um grupo que é tão importante que o hospital, que é o das Amigas do Hospital de Base, que estava precisando”, apontou Gomes.
No evento de lançamento, que contou com a adesão e a inscrição direta de associadas, foram traçados os primeiros pontos de ações iniciais. “Os esforços estarão se concentrando na venda do avental com a logomarca do grupo, compra de lençóis e fronhas e organização de um evento ainda maior para aumentarmos a quantidade de integrantes”, explicou Sônia Borges, uma das organizadoras.
Nos próximos dias, o grupo estará procedendo a sua primeira visita, já como grupo organizado de ação civil, às dependências do hospital, assim como a organização de um evento ainda maior para inscrição de novas voluntárias, venda de artigos e angariação de fundos para campanhas (aquisição de gêneros). “Nossa expectativa é de que tenhamos, pelo menos, 250 senhoras no grupo”, completou Maria Alice, otimista. (Ascom/Saúde)

Fotos: Adeildo Marques

Nenhum comentário:

Postar um comentário