COMPRE NAS DROGARIAS LETÍCIA

COMPRE NAS DROGARIAS LETÍCIA
DIREÇÃO ANTÔNIO CARLOS

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VIDA+MED DIRETOR PRESIDENTE ORLEANS DANTAS

VIDA+MED DIRETOR PRESIDENTE ORLEANS DANTAS
ITABUNA-BA

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Três jovens são baleadas e um é morto após saírem de festa


Três garotas de 17, 18 e 21 anos foram baleadas na madrugada deste domingo (23) e um jovem de 23 anos, foi assassinado, após saírem de uma festa de paredão que estava ocorrendo no distrito de Matinha, em Feira de Santana. Segundo a Polícia Militar, Monalisa Araújo da Silva, 18, estava com Danilo Alves Santos, 23, quando foram baleados já no bairro Cidade Nova, próximo ao Trocão, por homens que estavam em um veículo branco.Eles foram socorridos pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e socorrido para o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), por volta das 4h45. Por volta das 6h30, Danilo, que foi atingido por dois tiros na barriga não resistiu aos ferimentos. Monalisa foi alvejada nas costas, e continua internada.Ainda segundo a Polícia Militar, por volta das 5h40 o Samu socorreu Luana dos Santos Silva, 21, que foi baleada na perna e no tornozelo, e a adolescente V.B.T, 17, que foi atingida por dois tiros na virilha e barriga.

Morre o cantor Jerry Adriani, aos 70 anos

O cantor Jerry Adriani, ídolo da Jovem Guarda, morreu às 15h30 deste domingo (23), aos 70 anos, no Rio. Ele enfrentava um câncer e estava internado no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, Zona Oeste. A família confirmou a morte do artista ao G1, mas ainda não deu informações sobre horário e local do velório e do enterro. Recentemente, Jerry Adrini havia sofrido uma trombose em uma das pernas. Ícone da Jovem Guarda, Jair Alves de Souza nasceu em 29 do janeiro de 1947, no bairro do Brás, em São Paulo. Adotou o nome artístico de Jerry Adriani quando começou sua carreira como cantor, em 1964. O primeiro disco foi "Italianíssimo", quando cantava músicas em italiano, algo que seguiu fazendo em toda a carreira. Em 1965, o cantor passou a gravar em português, com músicas reunidas no disco "Um grande amor". Também na década de 1960, Jerry virou apresentador do programa “Excelsior a Go Go”, da TV Excelsior. O programa coapresentado por Luiz Aguiar era um musical com apresentações de artistas como Os Vips, Os Incríveis e Cidinha Santos. Outro programa musical que ele comandou foi "A grande parada", no ar pela TV Tupi em 1967 e 1968. Ele era um dos apresentadores ao lado de Neyde Aparecida, Zélia Hoffmann, Betty Faria e Marilia Pera. Além da TV, Jerry se aventurou pelo cinema. Ele cantou e atuou em “Essa gatinha a minha” (com Peri Ribeiro e Anik Malvil); “Jerry, A grande parada”; e “Jerry em busca do tesouro” (com Neyde Aparecida e os Pequenos Cantores da Guanabara). (G)



Policial é morto em Ilhéus; acusado tombou em confronto

O policial militar Tyrone Thomaz de Aquino, lotado na 68ª Cipm, foi assassinado, da madrugada deste domingo (23), no bairro Nelson Costa, zona sul de Ilhéus. Segundo informações, o PM se encontrava no interior de uma lanchonete, situada na rua Bela Vista, quando foi alvejado pelos disparos. O policial ainda foi socorrido pelo Samu 192, porém não resistiu aos ferimentos, morrendo antes mesmo de chegar no hospital. Uma megaoperação dos Petos 68, 69 e 70 chegou até um imóvel onde estaria escondido o criminoso. As guarnições foram recebidas a tiros no Condomínio Vitória 2 e revidaram. O elemento, conhecido como Cascão foi alvejado. Socorrido pelos mesmos policiais, o assassino já chegou sem vida ao Hospital Regional. Com Cascão, a polícia encontrou um revólver calibre 32, 273 gramas de maconha e a quantia de R$ 228,00, em cédulas fragmentadas O corpo do policial Tyrone foi encaminhado para o departamento de polícia técnica de Ilhéus para necrópsia e, posteriormente, liberado para sepultamento. O PM, muito conhecido em Ilhéus, é mais uma vítima da violência que impera na cidade. (Fábio Roberto)

Isaquias conquista três ouros no Sul-Americano de Canoagem

Isaquias Queiroz está com tudo no Campeonato Sul-Americano de Canoagem de Velocidade, disputado em Paipa, Colômbia. Na última sexta-feira, o baiano já esteve no lugar mais alto do pódio na disputa do C1 1000m. Neste sábado, mais duas medalhas tiveram como destino o peito do atleta de Ubaitaba (BA). Ao lado do ubatense Erlon de Souza, seu parceiro na conquista da prata na Rio-2016, Isaquias foi campeão no C2 500m. Além disso, sozinho na canoa - categoria C1 500m - o canoísta de 23 anos garantiu sua terceira medalha dourada na competição. No C1 500m, o brasileiro marcou 1m53s56 e superou o colombiano Alejandro Rodriguez (1m53s09) e o chileno Michel Garcia (1m53s09). Já nas duplas (C2), Isaquias e Erlon terminaram a prova em 1m41s06 e deixaram para trás Andrés Saénz e Alejandro Rodriguez (1m45s44) e Sergio Johan David Diaz e Daniel Alfonso Pacheco (1m46s36). Na categoria K1 500m masculino sênior, Vagner Junior Souta foi o campeão, desbancando Nelson Roberto Geringer Sallate (ARG) e Sebastian Romero (URU). No C1 500m feminino sênior, o primeiro lugar ficou com Valdenice Conceição, seguida por Karen Roco (CHI) e Anggie Avegno (EQU). O Brasil ainda garantiu a segunda colocação no K2 500m masculino sênior com Roberto Maehler e Edson Isaias Freitas da Silva. O ouro ficou com Joaquin Malaval e Agustin Rodriguez, da Argentina. Neste sábado também foram realizadas disputas paralímpicas. Adriana Gomes de Azevedo ficou com a prata da categoria KL1 200m. A prova KL2 200m também teve uma brasileira no pódio, com Debora Benevides conquistando a prata. Mari Christina Santilli não teve adversárias na KL3 200m feminina, remou sozinha e ganhou o ouro. (Terra Esportes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário